CONHEÇA: "REZADEIRA - O CASO DA FAMÍLIA CABRAL"

LAPIDANDO A ALMA ATRAVÉS DA PERDA

16:54:00 , 5 Comments



Já li sobre a morte. Já escrevi sobre a morte. Perdi alguém para a morte. Nunca morri, mas já passei por experiência de quase morte. É, a morte nos rodeia na realidade, na Ficção e sempre estará em alta. Ela é como sexo; é interessante falar tanto de um quanto do outro, ao mesmo tempo que ambos são tabus. Esta comparação Geoffrey Goar fez em um estudo intitulado "A pornografia da morte".

Tem gente que se arrepia só em ouvir falar nos "últimos suspiros", por isso também usa sempre eufemismos. Ninguém quer morrer (ou melhor, existe a exceção daqueles que veem mais sofrimento na vida do que na morte e, portanto, lutam pela própria eutanásia)! O Cristianismo profetizou o fim da morte como um mal a ser vencido. Acreditar na profecia é uma questão de fé. 

Um dia desses chegou as minhas mãos, por acaso, o livro "Lael - Lapidando a Alma Através da Perda". A obra foi meu último contato com o assunto fúnebre. Conheci, através das palavras da própria mãe, a história do Lael. Ele era só um bebê quando, em 2015, morreu vítima de Leucemia. Lembro como se fosse ontem a primeira vez que vi, em um livro de Filosofia lido lá no ensino médio, que pensar sobre a morte é refletir acerca da vida. É exatamente isso que faz a autora, Lucíola Freitas. O título do livro, inclusive, é bem sugestivo.

Lael saiu do útero de uma mulher que o amou, cuidou da forma mais atenciosa possível, porém nada pôde fazer para evitar o câncer no sangue. Deus poderia ter evitado, se fosse da vontade Dele. Lael sofreu muito durante o tratamento da leucemia em estado avançado, chegou a perder parte do nariz. Teria sido um castigo? Acaso cometeu, Lucíola, um erro? Por que seu filho mereceria tanto sofrimento? Estas e outras questões, após estabelecer contato com a morte daquele que considerava parte dela e pensar a vida sob uma visão Bíblica, a autora responde com delicadeza em tom de ensinamento.

Lucíola acredita que Lael está em um lugar melhor agora. Ainda mais feliz do que foi com ela. Todos nós temos os nossos dias na Terra contados. Alguns tem menos dias do que outros. Mas, de qualquer forma, a vida não se resume a mortalidade para quem crê em Jesus. Eu creio.

"Portanto, cada experiência de vida que nós enfrentamos deve servir para ajudar aos outros a se levantar por meio da força com que o Senhor nos "[...]  consola em todas as nossas tribulações, para que, com a consolação que recebemos de Deus, possamos consolar os que estão passando por tribulações. Pois assim como os sofrimentos de Cristo transbordam sobre nós, também por meio de Cristo transborda a nossa consolação" (2ª Coríntios 1: 3b-5).
  Lael - Lapidando a Alma Através da Perda. Pág. 184.

Lucíola mora no Crato, Ceará, onde deu a luz a Lael. É professora com Licenciatura em Geografia pela Universidade Regional do Cariri - URCA e Mestrado em Educação pela Universidade Federal da Paraíba - UFPB. A escritora tem o projeto de converter todo o lucro arrecadado com as vendas do livro em meios de ajudar crianças e familiares que acompanham-nas no Instituto de Apoio a Criança com Câncer (IACC) de Barbalha, Ceará.

Título: Lael - Lapidando a Alma Através da Perda
Editora: Publicação Independente
Autora: Lucíola Freitas
Páginas: 210
Informações de como comprar na Fanpage do livro no Facebook.








O que achou do post? Deixe o seu comentário, ele é importante.

Carlos Rodrigo

Escritor. Blogger. Graduando em Jornalismo. Autor do conto "Rezadeira - O Caso da Família Cabral".

5 comentários:

  1. Uma colocação muito interessante a qual você fez. Falta quatro folhas para terminar a leitura desse livro. A autora consegue se expressar de uma forma que nos sentimos dentro dos acontecimentos com a grandeza de detalhes, foi muita dor, muita luta e só Deus poderia dar a ela a força sobrenatural que ela teve. Lutou por ele até o fim, isso é ser mãe.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Concordo, Aline. Além disso, não perdeu a confiança em Deus durante toda a luta.

      Excluir
    2. Verdade, a confiança em Deus foi fundamental. Terminei o livro 💕

      Excluir
  2. Oi boa tarde,goste muito do seu blog, gostaria de te pedir tambem para estar seguindo meu blog:http://redetelenova.blogspot.com.br/
    Seguir:blogger.com/follow.g?view=FOLLOW&blogID=728384867269650044 …
    já estou te seguindo abraço.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi, Ivam. Boa tarde.
      Obrigado pela visita. Darei uma olhada no seu blog.

      Excluir